Capital paulista passará a exigir comprovante de residência para vacinar contra a covid-19

A medida passa a valer nesta sexta-feira, 28; estudantes da área de saúde devem apresentar também atestado da faculdade mostrando que estão no ano final do curso

A partir desta sexta-feira, 28, quem quiser se vacinar contra a covid-19 na capital paulista vai precisar apresentar algum comprovante de residência mostrando que reside na cidade. A informação foi divulgada pelo prefeito Ricardo Nunes em coletiva de imprensa nesta quinta-feira, 27.

Novos grupos serão incluídos na lista de vacinação a partir desta sexta. Estudantes do último ano de cursos da área da saúde e trabalhadores da saúde acima de 18 anos podem se vacinar na cidade. Além do comprovante de residência, os estudantes precisam apresentar um atestado da faculdade mostrando que estão no ano final do curso.

Leia na íntegra

0 comentários em “Capital paulista passará a exigir comprovante de residência para vacinar contra a covid-19”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *