A importância da telemedicina na geriatria e gerontologia

A Covid-19, doença causadora de uma pandemia mundial, levou a um boom no uso e desenvolvimento da telemedicina. Essa mudança aconteceu de forma inesperadamente rápida, deixando muitas pessoas em dúvida se a telemedicina é realmente tão boa quanto o atendimento presencial.

Telemedicina é o uso de tecnologias assistenciais como smartphones, microcomputadores, tablets, internet e dispositivos de captação de sinais vitais para prestar assistência à saúde. Quando bem feito, pode ser tão eficiente quanto o atendimento presencial. Portanto, a telemedicina envolve o ensino, pesquisa e assistência!

Porém, como muitos pacientes e profissionais de saúde estão utilizando a telemedicina pela primeira vez, inevitavelmente haverá uma curva de aprendizado até que todos se adaptem. Então, como um paciente ou o profissional de saúde podem garantir que estejam utilizando a telemedicina de maneira correta?

Leia na íntegra

0 comentários em “A importância da telemedicina na geriatria e gerontologia”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *