A transformação do cuidado baseada em valor

A escalada dos custos e a variabilidade na qualidade dos serviços de saúde ameaçam a sustentabilidade do Sistema de Saúde de forma global. Em vários países, dentre eles o Brasil, observou-se em 2019 uma diferença de dois dígitos entre a inflação geral e inflação médica (4,2% e 17%, respectivamente). Apesar do investimento crescente, há evidente falência do sistema atual em prevenir doenças preveníveis, em garantir o acesso universal e a equidade no acesso aos serviços de saúde. Além disso, há pouca transparência em relação aos custos e aos desfechos dos tratamentos realizados e quando tais dados encontram-se disponíveis o que se observa é uma enorme variabilidade indesejada de prática, de custos e de desfechos que resultam em desperdício de cerca de 30% dos recursos aplicados em saúde.

O Cuidado baseado em Valor, do inglês, Value-Based Health Care (VBHC) surgiu então como uma estratégia para transformar o sistema de saúde por meio da coleta e monitorização dos desfechos e dos custos, do redesenho do processo assistencial em torno de condições clínicas ou segmentos da população e da mudança no modelo de financiamento que passaria a remunerar por resultado em vez do modelo atual que remunera por cada atendimento realizado.

Leia na íntegra

0 comentários em “A transformação do cuidado baseada em valor”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *