A passos largos, atenção domiciliar avança no Brasil, desafogando leitos hospitalares

De acordo com o Cadastro Nacional dos Estabelecimentos de Saúde (CNES), em julho de 2012 o país contava com 18 empresas de serviços de atenção domiciliar. Em 2018, este número saltou para 676. O dado encontra-se no Censo de Atenção Domiciliar 2017/2018, encomendado pelo Sinesad (Sindicato Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços de Atenção Domiciliar à Saúde) e NEAD (Núcleo Nacional das Empresas de Serviços de Atenção Domiciliar) à Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas).

Outro indicador importante do estudo aponta que, nos 12 meses que antecederam o questionário, 51 empresas chegaram a atender 12.681 pacientes, o que significa que é muito grande a ajuda na rotatividade e liberação de leitos hospitalares.

Leia na íntegra

Compartilhe:Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin

0 comentários em “A passos largos, atenção domiciliar avança no Brasil, desafogando leitos hospitalares”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

m