ANS lança programa para incentivar planos a terem linhas de prevenção

As doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) são algumas das principais causas de mortes no Brasil. Segundo dados do Ministério da Saúde, 73% dos óbitos  são decorrentes desse tipo de mal, como hipertensão e diabetes. A atenção primária e o cuidado preventivo podem contribuir para mudar esse cenário. De acordo com Fátima Sousa, professora da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade de Brasília (UnB), orientar um processo de alimentação saudável, monitorar diabetes e hipertensão e investir em prevenção podem evitar em até 85% eventuais problemas.

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), atenta aos resultados positivos da saúde básica, lançou o Programa de Certificação de Boas Práticas em Atenção à Saúde, que visa incentivar as operadoras de planos de saúde a desenvolverem redes de atenção ou linhas de cuidado em atenção primária. A primeira iniciativa do programa é o Projeto de Atenção Primária à Saúde (APS), que prevê a concessão de uma certificação às operadoras que cumprirem requisitos preestabelecidos nessa estratégia. O objetivo é estimular a qualificação, o fortalecimento e a reorganização da atenção básica, pelos quais os pacientes devem ingressar preferencialmente no sistema de saúde.

Leia na íntegra

0 comentários em “ANS lança programa para incentivar planos a terem linhas de prevenção”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *